É de teor completamente mentiroso uma mensagem que circula, principalmente pelo aplicativo WhatsApp, que afirma que “a Assembleia Legislativa está julgando o encerramento das aulas do colégio público para o ano de 2020”. Não há em tramitação no Poder Legislativo nenhum projeto do Poder Executivo referente a este assunto. A mensagem apócrifa não faz referência a nenhuma fonte de informação oficial, desconfie sempre que receber um conteúdo com essa característica.

O texto diz ainda que “o Governador Rui Costa resolveu cancelar o ano letivo deste ano não tem condições de voltar o ano letivo esse ano no estado e os colégios particulares terão que dar um desconto de 30% nas mensalidades”. Uma sequência de mentiras.

A verdade é que, até o momento, as atividades letivas, nas unidades de ensino públicas e particulares, em todos os municípios da Bahia, estão suspensas até o dia 2 de junho, como é possível observar no decreto publicado no Diário Oficial do Estado. O decreto diz ainda que os dias de suspensão deverão ser compensados em recessos futuros. Sobre possíveis descontos nas mensalidades das escolas particulares durante o período da pandemia, não existe qualquer determinação oficial do Governo do Estado sobre o assunto.

Ainda sobre a suspensão das aulas, é possível que ela seja prorrogada por um novo período caso os órgãos responsáveis avaliem que ainda não há condições seguras para que a comunidade escolar retorne às aulas. Não há, neste momento, como descartar completamente a possibilidade de suspensão do ano letivo, mas todas as decisões sobre esse assunto são publicadas no Diário Oficial do Estado e comunicadas pelos canais oficiais do Governo do Estado, portanto não acredite em mensagens sem identificação da fonte, sem referência a uma informação oficial das autoridades competentes.

link para o decreto que suspende as aulas até 2 de junho.