Estão circulando informações totalmente falsas sobre a composição do preço do gás, tentando atribuir de forma completamente enganosa a responsabilidade pelos sucessivos aumentos ao Governo da Bahia. Este produto tão importante para o dia a dia da população está cada vez mais caro por causa dos aumentos sucessivos promovidos pela Petrobras, que penalizam os consumidores. Portanto não há qualquer interferência do Governo da Bahia na definição destes aumentos promovidos pela estatal federal.

A alíquota de ICMS sobre o GLP na Bahia é de 12%, a menor do país, enquanto a média entre os estados brasileiros é de 14,9%. Na prática, o valor do ICMS por botijão de 13 quilos de gás na Bahia é de R$ 8,89. Já o valor cobrado pela Petrobras vem aumentando de acordo com o mercado internacional e representa hoje 49,3% do preço total do botijão, enquanto o custo das distribuidoras e revendas responde por 35,8% do valor total. As informações são da Secretaria da Fazenda do Estado da Bahia (Sefaz). Fake News é crime. Não se deixe enganar.